9.12.06

PROPOSTAS MINOM - PORTUGAL PARA DEBATE

Durante a reunião das Conclusões do Encontro de S. Bras de Alportel, foi decicido fazer um novo encontro em Março de 2007, na Casa-Museu João Soares, em Cortes - Leiria, para debater alguns temas que não puderam ser desenvolvidos durante o encontro.
Pedimos aos colegas os comentátios que entenderem fazer, de modo a poder preparar com antecedência as temáticas a abordar.


Nova Museologia e Voluntariado

Profissionais dos museus e identidade profissional
1 comments
Participação como exercício da cidadania e da democracia
1 comments
Profissionais e Voluntário: relações e complementariedades

12 comentários:

Emanuel Sancho disse...

Nova Museologia, voluntariado e Amigos do Museu ?
Nas Jornadas de São Brás de Alportel surgiu uma corrente de opinião que distinguia os conceitos de "voluntário" e o de "Amigo do Museu". Todos sabemos que quase sempre isto passa por ser a mesma coisa pois tradicionalmente os Amigos cumprem-se desempenhando funções de voluntariado no Museu.
Parece-me porém que, num contexto de um conceito mais alargado para as conhecidas Ligas/Grupos de Amigos de Museu existe um espaço inexplorado para a Nova Museologia. Uns Amigos que, mais do que mão de obra gratuita, se revejam nos espaços do museu como lugar acolhedor, de encontro, de socialização e que se utilizem dele (museu) na medida das suas necessidades e interesses, me parece um conceito interessante...

isabel victor disse...

Olá Emanuel !!! Passei pela nova " Vereda " que abriste ao diálogo museológico, mas ... não dá para comentar !

Abraço FORTE ! Concordo com a tua visão de " Amigos de museus "

Anónimo disse...

Para reflexão:
Ao contrapormos as relações entre "Profissionais" e "Voluntários" e o papel secundário - "complementar" - dos segundos em relação aos primeiros não estaremos a reduzir o problema a uma questão sindical (cit. César Lopes em São Brás) de disputa/partilha de competências ? Apesar de este ser também um problema sério e merecedor de debate, não seria também interessante desenvolver a ideia de um voluntário não-funcionário mas pedreiro especializado prioritariamente em derrubar as grossas paredes dos nossos museus? Função Social...

Emanuel Sancho

Anónimo disse...

Participação como exercício da cidadania e da democracia

Provocação assumida:

É bem certo que em Museus o Voluntariado é um bom exemplo (teórico) de "Participação como exercício da cidadania e da democracia". Porém, os Museus não são bons exemplos de liberdade e auto-determinação. As tutelas (/trelas) - Estado ou autarquias - mantêm-nos apertados entre calendários eleitorais, interesses político-partidários, funcionalismo instalado, simples falta de conhecimento e intervenções desastradas, hierarquias complicadas, instabilidade, etc, etc.
Todos estamos habituados a ouvir, contadas em surdina entre nós, todo o tipo de tropelias praticados pelas tutelas.
Por tudo isto não é fácil a um destes museus cumprir a tal Função Social e ainda muito menos apresentar os argumentos teóricos e românticos da participação, cidadania, democracia, etc, que pezem na captação de voluntários.
Neste sentido, interrogo-me eu se não seria altura dos Museus e dos departamentos Culturais em geral reinvidicarem um estatuto de autonomia que lhes permita uma gestão mais racional, a manutenção de projectos de continuidade e a construção de uma imagem credível que não têm.

Emanuel Sancho

Anónimo disse...

Alguém me poderia ajudar a encontrar um tese que dizem, estará disponível na página da Univ. Lusófona sobre voluntariado ??

Emanuel

isabel victor disse...

Emanuel, olá ! Tanto que haveria para comentar ...

A tua dita " provocação " dava um encontro de três dias !

Quanto à tese está em " mestrado museologia ", onde há um link para "teses"

Abraço

anad disse...

Isabel Victor

Manda-me outra vez o endereço do teu blog.
Beijinhos
Ana Duarte

Micas10 disse...

Gostaria muito de estar presente neste enconto de casas-museus

Micas10 disse...

Ver Ver Amigos de Sousa Mendes

Anónimo disse...

Olá Isabel !!
Obrigado. Já encontrei as teses (e muito mais) na Lusófona.
Entretanto eu escrevo e escrevo. Bem me esforço para arrancar um comentariozito de alguém... mas nada. Nem de ti Isabel!!!
Boa noite e um abraço!
Emanuel

Anónimo disse...

Participação como exercício da cidadania e da democracia

Provocação II

Pergunto-me qual a motivação dos voluntários que com maior assiduidade colaboram com hospitais, toxicodependência, mendicidade, 3ª Idade, etc... Será a velha caridade ou o exercício despretencioso da solidariedade, cidadania e democracia ?
Neste contexto surgem os museus a falarem tb de voluntários. Desta vez quais serão as motivações ? O meu (museu), tinha até há bem pouco uma caixa de esmolas à entrada... coitadinhos !!!

Emanuel Sancho

Musealogando disse...

teste